terça-feira, 20 de novembro de 2012

Maquiagem no culto

   Gente, maquiagem é tudo de bom não é? Ela nos deixa mais bonita, corrige algumas imperfeições e esconde o que nós não queremos mostrar. E hoje em dia existem maquiagens de boa qualidade e com preços acessíveis a todas, só não usa quem não quer.
Hoje, quero falar sobre uma maquiagem que merece atenção e cuidado; a maquiagem usada no culto. Já ouvi amigas minhas que vão à igreja sem maquiagem, dizerem que somos lindas e perfeitas naturalmente aos olhos de Deus, e realmente, somos mesmo, mas, eu não vejo problema em querer esconder uma espinha, ou dar um ar de saúde com o blush, ou até mesmo definir o olhar... Não é modificar, mas sim aperfeiçoar uma verdadeira obra de Deus; o nosso rosto.
   Ao longo dos meus dias na igreja, deixei muitos costumes de lado, incluindo roupas curtas e algumas maquiagens, você pode estar pensando ‘’como assim Mari, maquiagem?’’ Pois é! Aprendi que em mim somente o Espirito Santo pode chamar atenção, então nada de usar coisas fortes e chamativas, sombras com cores fortes, traços pretos e batons escuros, foi difícil aceitar, porque sempre fui louca por maquiagem e amava/amo caprichar no olhão escuro. Então, diminui as quantidades de cores e as camadas de rímel, até que deu certo. Nos primeiros meses, quando eu ia pra igreja, e sentia a presença de Deus e chorava litros, eu saia do culto parecendo um panda, kkk era horrível. E foi daí que criei minha primeira frase sábia; "Só existe um homem que merece que eu borre meu rímel; Jesus!’’ mas, mesmo assim, eu não queria ser um panda pra sempre, dai cortei a sombra e o lápis das maquiagens que eu fazia. Ao longo do tempo, fui querendo dar um jeitinho, comprando coisas a prova d’água, elas duram mais, mais não aguentam a presença do Senhor, se é que você me entende. Aprendi a dosar nas camadas de rímel e finalmente minhas maquiagens pararam de chamar atenção, e o Espirito Santo começou a aparecer, estranho isso né? Mas acontece que dei lugar pra que ele brilhasse, a gente acha muito pouco, mas pra Ele é muito. Vocês entenderam quando eu disse DOSAR? eu não parei de usar, criei meus truques e quero ensinar pra vocês.
   Corretivo, base, pó e blush e gloss pra mim é o básico! Porque mesmo que a maquiagem desmanche, não se nota tanto, por eles só uniformizarem a pele. Tem dias que eu só passo isso ao ir a cultos, ou reuniões casuais, ensaios. 
Rímel, sombra, delineador são raros, eu uso nos cultos de domingo, de Santa Ceia ou quando sei que vai acontecer algo especial, é legal você levar toalhinhas, dessas que a gente levava na lancheira pra escola nos tempos de criança, e um espelhinho só pra dar uma conferida, se chorar já sabe, passa a toalha olhando no espelho(eu colei um na minha bíblia), as vezes eu não resisto a batom vermelho, porque eu acho muito bonito, mas, vejo os olhares das pessoas, e estou evitando, é, estamos sempre sujeitos ao aprendizado.
   Não pensa que vivo 24 horas de maquiagem não tá? Tem dias que só passo gloss, rímel incolor e pronto, eu sei que vai sair tudo mesmo, e sei que existe coisa mais importante no culto do que ficar se preocupando com make. A dica é; Use maquiagem básica! Vá maquiada de uma maneira ‘’confortável’’, pra que, na hora da palavra, você não fique pensando no lápis que borrou, deixa a make elaborada pra outros eventos!
Beijos!


maquiagem pra você se inspirar!

4 comentários:

marcella gil disse...

Adorei seu blog, sua historia sobre make e praticamente a mesma da minha! Hoje sou crente e consegui moderar em tudo, me deixando confortavel sem precisar de preocupar com borroes! bjss

Mari Cavalcanti disse...

Que linda! Nada como o tempo e alguns borrões pra nos ensinar a como ir para os cultos! Beijão!!

Anônimo disse...

gostaria tbm de vencer o poder da maqyuiagem sobre mim!

Mari Cavalcanti disse...

hahahaha, eu também!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...